Sexta, 03 de Dezembro de 2021
16°

Pancada de chuva

Ponta Grossa - PR

Brasil Brasil

Estúdio News debate retomada de exames para diagnóstico de câncer

Na pandemia, cerca de 70% das pacientes deixaram de procurar o serviço para um rastreamento precoce da doença

07/10/2021 às 14h45
Por: Redação Fonte: R7
Compartilhe:

O câncer de mama ainda é o segundo mais comum em mulheres brasileiras, sendo que 16% de todas as mortes das mulheres por câncer decorre do de mama. A campanha Outubro Rosa surgiu em 1990 com a ideia de chamar a atenção para o tratamento precoce e da mamografia.

Hoje, além de trazer mais conhecimento para a população, a campanha fala sobre qualidade de vida para as pacientes com diagnóstico de câncer.

Retomar os cuidados se faz necessário e, segundo o diretor da Sociedade Brasileira de Mastologia, Gil Facina, cerca de 70% das pacientes deixaram de procurar o serviço para um rastreamento precoce. “Isso fez com que os casos tenham o diagnóstico cada vez mais tardio e um tratamento um pouco mais árduo com um impacto inclusive na chance de cura dessas pacientes”, explica.

Facina alerta para que as pacientes retornem para os serviços, pois eles estão preparados para recebê-las de forma segura, desta forma poderá se evitar um retardo no diagnóstico e no tratamento após confirmada a doença.

A médica Solange Sanches, especialista em oncologia clínica do AC Camargo Câncer Center, também alerta sobre os cuidados preventivos. “É extremamente importante essa questão de fazer o diagnóstico precoce não só para o câncer de mama, mas qualquer tipo de neoplasia. Aquelas que temos a oportunidade de descobrir precocemente as taxas de cura são muito mais significativas”, enfatiza.

A oncologista ressalta que, apesar de grande parte dos casos acometer mulheres acima de 40 anos, há possiblidade de as mais jovens terem câncer de mama e que a mudança no estilo de vida pode reduzir a incidência da doença. “Existem algumas situações que a gente pode mudar e que estão relacionadas a maior risco de câncer de mama: obesidade, sedentarismo e ingestão de álcool. Sabemos que também estão relacionados e aumentam o risco de câncer de mama, e esses são fatores dos quais podemos intervir”, destaca.

“Esses casos raros que ocorrem na paciente jovem têm difícil rastreamento, é muito mais provável identificar no exame físico, daí a importância dela se autoconhecer, de ela saber que a mama está diferente, que a pele tem um contorno diferente, que o mamilo desviou, e procurar rapidamente o especialista”, completa Facina.

O Estúdio News vai ao ar aos sábados, às 22h15. A Record News é sintonizada pelos canais de TV fechada 55 Vivo TV, 78 Net, 32 Oi TV, 14 Claro, 19 Sky e 134 GVT, além do canal 42.1 em São Paulo e demais canais da TV aberta em todo o Brasil.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Veja também
Ponta Grossa - PR Atualizado às 03h16 - Fonte: ClimaTempo
16°
Pancada de chuva

Mín. 16° Máx. 22°

Sáb 27°C 15°C
Dom 29°C 16°C
Seg 27°C 17°C
Ter 26°C 15°C
Qua 20°C 15°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes