Domingo, 09 de Agosto de 2020 08:18
42 98874-8154
Geral Governo

Governo lança aplicativo para monitoramento de obras

Governo lança aplicativo para monitoramento de obras

16/11/2016 01h08 Atualizada há 4 anos
Por: Redação
Governo lança aplicativo para monitoramento de obras
Foto: divulgação
Plataforma permite aos cidadãos fiscalizarem a execução de obras públicas que receberam repasses do governo federal. Anunciado no último dia (7) pelo presidente da República, Michel Temer, o aplicativo para smartphones Desenvolve Brasil tem como objetivo incentivar a fiscalização por parte dos cidadãos da execução de obras que receberão repasses do governo federal. Além do utilitário, Temer divulgou o investimento de R$ 2,073 bilhões para a retomada de obras paralisadas.

"Esse é o nosso objetivo, ter o máximo possível a participação da sociedade ajudando o governo a melhorar a qualidade do serviço que ele presta e a ter mais eficiência na gestão", afirmou o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, em entrevista ao Portal Planalto.


Por meio do aplicativo é possível acompanhar a execução da obra, fazer comentários, enviar denúncias e enviar fotografias da obra. "Isso inaugura uma vertente importante desse governo, que é a comunicação digital direta com o cidadão", ressaltou o ministro.


Retomada - As obras vão desde de creches, a quadras esportivas e até aeroportos. Ao todo, 1,6 mil empreendimentos que custam entre R$ 500 mil e R$ 110 milhões devem ser retomadas pelo governo federal.


De acordo com o ministro, até 30 de junho de 2017 pelo menos 1.120 obras devem receber os repasses.


"Estamos colocando todo o nosso empenho e disponibilizando os recursos, mas estamos compreendendo que não será possível retomar 100% dessas obras, estamos trabalhando com uma meta de retomar pelo menos 70% delas", assegurou Oliveira.


A partir desta segunda-feira, o Desenvolve Brasil estará disponível para o sistema Android e daqui trinta dias, também será disponibilizado para iOS.


Fonte: Planalto

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.