terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Brasil fica em 1º lugar em ações registradas contra a Pólio

Marcelo Haick, coordenador rotário no Brasil para as atividades contra a paralisia infantil
Os rotarianos brasileiros ficaram em primeiro lugar na lista de Países que registraram no portal eletrônico: www.endpolio.org ações realizadas por clubes na celebração do Dia Mundial de Combate a Pólio, comemorada no dia 24 de outubro.


“O Brasil tem uma força muito grande em ações neste sentido, pois, o rotariano brasileiro é bem engajado”, elogiou o Diretor do Rotary International no Brasil, o empresário José Ubiracy Silva, associado do Rotary Club do Recife, no Distrito 4500 do Rotary International, ao receber a relação dos 20 países com mais registros, somando 335 ações brasileiras, diante do segundo colocado que foi o EUA com 204, seguido da Nigéria com 77 iniciativas registradas.

De acordo com o Coordenador do Rotary no Brasil sobre a Pólio, o advogado Marcelo Demétrius Kaick, associado do Rotary Club de Santos-Praia, no Distrito 4420 do Rotary International, a região sudeste do Brasil foi a que mais registrou atividades com 54,3% das ações realizadas, seguida pela região sul com 32%.

“Tenho certeza que os números são maiores que estes, pois, só é válida aquela iniciativa que foi registrada no portal”, comentou o dirigente que tem conhecimento de inúmeras ações, porém, por alguma razão não foi feito o registro no portal. “A cada ano o rotariano brasileiro vem se familiarizando com as ferramentas eletrônicas em diversas ações desenvolvidas pelo Rotary International”, comentou ao parabenizar os brasileiros pelas ações realizadas.

Dentre as iniciativas realizadas estão atividades das mais diversas como: caminhadas, corridas, passeios ciclísticos ou ecológicos, passeatas, carreatas, jogos esportivos ou pedagógicos, campanhas de orientações, entrevistas nas mídias, debates, divulgações diversas, palestras, panfletagens, shows e diversas outras ações.

“A criatividade é o ponto forte do rotariano brasileiro e em atividades neste sentido, principalmente relacionado a campanha contra a paralisia infantil”, ressaltou José Ubiracy Silva que reforça o poder da rede de relacionamento entre os rotarianos brasileiros que sempre que articulados, se destacam de âmbito mundial. “Não é a primeira vez que o Brasil mostra a sua força neste sentido”, ressaltou o Diretor do Rotary International.

GOVERNO FEDERAL – A articulação rotária não se baseia apenas nas ações do clube. O Ministro da Saúde, Ricardo Barros, recebeu em Brasília um grupo de dirigentes rotários formados por: Luiz Gustavo Kuster Prado (Coordenador Regional do Rotary), Marcelo Haick (Coordenador do Rotary sobre a Pólio), Mauro Carvalho Duarte Júnior (Governador Eleito do Distrito 4530 do RI), e o Governador do D4530, Gestão 1994-95, Flávio Mendloviz, estiveram reunidos para o desenvolvimento de um plano de ação conjunto para aprimorar a cobertura vacinal em algumas áreas do País.

“Desde 1986 o Rotary está envolvido nesta campanha contra a paralisia infantil no Brasil”, lembrou Marcelo Haick que pretende intensificar o envolvimento dos rotarianos nas atividades da vacinação nas comunidades.

Eficaz Comunicação Empresarial

EU CONCILIO

EU CONCILIO
Eu Concilio - Mediação e Conciliação

Postagens mais visitadas da semana

CONTATO

E-mail: jornalpontagrossa.com@gmail.com
Cel.: (42) 9.8874-8154

FALE CONOSCO:

Nome

E-mail *

Mensagem *